Hospital Maria Lucinda realiza ação alusiva ao Setembro Amarelo Suicídio: o que tenho com isso?

Dentro das ações em comemoração à campanha Setembro Amarelo, mês de conscientização e prevenção ao suicídio, o Hospital Maria Lucinda promoveu, sob a coordenação do Setor de RH, a palestra Suicídio: o que tenho com isso?, no dia 14 de setembro, no Centro de Estudos da unidade.

A palestra foi ministrada por estudantes de Psicologia da Faculdade Esuda, teve como  abordagem questões de como ajudar pessoas deprimidas ou com pensamento suicida; por que falar é a melhor opção; o que fazer para auxiliar a pessoa que está com problemas relacionados à saúde mental.

A gestora do RH do Maria Lucinda, Denise Lima, reforça que suicídio parece uma realidade distante, mas, infelizmente, é justamente o oposto, por isso o tema precisa ser debatido o ano inteiro, não apenas no mês de setembro. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 32 pessoas se suicidam por dia no Brasil, o que significa que o suicídio mata mais brasileiros do que doenças como a AIDS e o câncer.

“O suicídio continua sendo uma das principais causas de morte em todo o mundo, de acordo com as últimas estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) publicadas no relatório “Suicide worldwide in 2019”. Por isso é importante orientar e conscientizar as pessoas sobre o tema, intensificando, assim, nossos esforços de prevenção do suicídio”, afirmou Denise Lima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *