UPA Caxangá comemora 8 anos de funcionamento registrando quase 1,5 milhão de atendimento

“Um agradecimento especial aos gestores, servidores e amigos do Hospital Maria Lucinda, que nos ensinam a fazer sempre mais com menos, a cada obstáculo que surge”.

No final da tarde do dia 10 de abril, o pequeno paciente Luiz Pablo Macedo, de 7 anos, foi quem apagou as velas do bolo que marcou a comemoração dos 8 anos de funcionamento da UPA Caxangá, administrada desde sua  fundação com a experiência exitosa  do Hospital Maria Lucinda, que se dedica a atender os usuários do SUS há  88 anos,  através da Fundação Manoel da Silva Almeida.

O garoto, filho da dona de casa Suelane Macedo, vem sendo atendido na unidade desde os dois anos de idade, quando sofreu sua primeira crise de asma. Ele é um dos mais de 1 milhão de pacientes atendidos pela UPA desde sua inauguração em 2010.

A comemoração foi simples, mas com dose exagerada de carinho, que sempre faz bem. Para celebrar a data, a diretora-geral da UPA, Josa Almeida, reuniu gestores, funcionários, parceiros e pacientes numa festinha de confraternização. “Saúdo aqui a todos e agradeço a disponibilidade, o carinho e a dedicação de cada um de vocês que nos ajudam todos os dias. Também faço um agradecimento especial aos gestores, servidores e amigos do Hospital Maria Lucinda, que nos ensinam a fazer sempre mais com menos, a cada obstáculo que surge”, ressaltou, emocionada, a diretora.

Também prestigiaram a comemoração a Irmã Maria José; Marina Silva, que representou o superintendente do hospital; o médico Luiz Alberto de Araújo; a diretora administrativa, Ana Cristina Passavante; a diretora-médica da UPA, Audrey Vasconcelos; a coordenadora Administrativa, Geórgia Assunção; o coordenador Administrativo e Financeiro da UPA Nova Descoberta, Júnior Passavante; e, por último, a apoiadora da UPA na Secretaria de Saúde do Estado, Andrea Rocha, que fez questão de demonstrar seu carinho pela unidade. “É uma grande satisfação participar do aniversário da UPA. Esta unidade mora em meu coração. É bonito ver uma gestão tão bem entrosada, com equilíbrio e determinação em prol dos que aqui buscam atendimento”, disse.

Ainda houve a apresentação de um vídeo de motivação e agradecimento, uma oração conduzida pela Irmã Maria José, o esperado “Parabéns para você!” e o corte do bolo.

Números – Cerca de 1,5 milhão de atendimentos médicos e mais de 1 milhão de exames diagnósticos de radiologia, eletrocardiogramas e laboratoriais. Esses são os números computados pela UPA da Caxangá ao longo dos seus 8 anos de existência. No segmento de classificação de risco, foram 33.600 atendimentos na emergência; 434.949 na urgência; 716.484 na não emergência e 29.962 no atendimento social. “Em relação aos pacientes atendidos na Unidade, apenas 4,9% foram transferidos, reforçando a alta resolutividade da UPA”, comemora Josa Almeida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *